sábado, 25 de julho de 2009

Eu posso


Eu posso
sei que posso
andar lado a lado com meus passos
e seguir à frente dos meus sonhos
pois, quando eles me alcançarem
lá estarei eu
plena de cores e espaços
mostrando o troféu da realidade
erguendo a taça desse compasso
simples amadurecimento
de quem entende que pouco sabe
de quem faz ao invés de esperar
de quem vai ao invés de ficar.

Sim, eu sei que posso
andar pela vida
descalça e nua de tormentos
sem medo dos detritos
sem temor da loucura
pois, sendo quem sou
livre pensadora, somente
dou asas às palavras
esculpindo meus desejos
realizados um a um
simplesmente porque eu vou
porque eu quero
porque eu sou.


Autor: Valéria Nogueira Eik

Nenhum comentário: