sábado, 14 de novembro de 2009

Queria enviar-te os meus versos
faço que chego pessoalmente
Aqui estou, querida, ouve:
- És linda! És sonho!
És a minha musa e a minha música!
Lê, eu deveria ter escrito -
mas, eu sei, amor
que em teu pensamento
a minha voz, mensageira,
de mansinho, dir-te-á mais
Não te assustes
com este meu modo de querer.
Só nós o sabemos.
Os outros pensarão
que meu verso é apenas
uma inspiração pobre e passageira...

Coisas de amor só podem ter valor para aqueles que amam,
e eu tenho quase certeza de que significo alguma coisa para ti!
Cassandra Rios

Nenhum comentário: